Como se tornar um Comissário de Bordo

Como disse em um post anterior, eu havia descoberto o que queria fazer da minha vida. Aos 21 anos, trabalhando no aeroporto de Bauru, eu sabia que queria voar, mas ao mesmo tempo, como já havia começado minha faculdade e estava no 3º ano, não queria trancar, queria ir até o fim no meu Bacharelado e depois fazer o curso.

Não foi uma decisão fácil. Várias vezes bateu a vontade de largar tudo e seguir em frente, mas eu sentia que minha experiência em solo e meu bacharelado em Turismo iriam me ajudar de alguma forma na profissão que eu tanto queria seguir.

Aviation-Love

O primeiro passo para se tornar um comissário de bordo é achar uma escola, de qualidade e com referências, para fazer o curso exigido pela ANAC. Em Bauru temos a opção no Aeroclube. O curso tem duração de aproximadamente 4 meses, onde estudamos a parte teórica e prática (sobrevivência), bem como tiramos nosso primeiro CMA (o documento que comprova que estamos aptos para exercer a profissão. Eu terminei o meu curso em dezembro de 2011.

O segundo passo é a prova da ANAC. É só marcarmos pelo próprio site enviando a documentação necessária em uma das cidades que a ANAC tem sede. Depois de marcada a prova (normalmente para 30 dias a frente da data de solicitação), é hora de colocar a cara nos livros e fazer muitos simulados. Essa fase depende totalmente do aluno. Eu fiz minha prova em Curitiba, pois estava muito mais rápido para marcar a data do que na sede de São Paulo.

O terceiro passo é preparar um currículo legal para enviar para as companhias aéreas. Hoje em dia, acredito que nenhuma delas esteja recebendo pelo correio, mesmo assim, quando chamado para entrevista, é interessante levar uma cópia do seu currículo com foto. Preencha o cadastro no Elancers correta e completamente, é a sua porta de entrada na aviação brasileira.

Depois, é apenas se preparar. Não deixe de estudar idiomas, de fazer cursos complementares e sempre tome muito cuidado com o que se posta em redes sociais. Vejo muita gente reclamando da área ou tentando fazer drama dizendo que ainda não foi chamado pra nenhuma seleção: esse não é o perfil que as empresas procuram. Mostre-se sempre positivo, alegre, feliz e que sabe que seu momento vai chegar.

Embora a aviação seja a nossa vida, não podemos parar nossa vida para esperar a chance de entrar. Continue sempre se aperfeiçoando.

Se esse realmente é seu sonho, no momento certo, ele vai se realizar. Não desista.

Foco, força e fé.

Anúncios

Blue Angel

Eu me formei em Turismo, realizei trabalhos voluntários voltados para área de intercâmbio e para algumas instituições de minha cidade, trabalhei em uma agência de viagem e duas vezes em uma agência de intercâmbio. Também trabalhei como Agente de Aeroporto durante 1 ano e meio.

Viajei para a África do Sul, onde aprendi a respeitar e admirar culturas diferentes da minha, a comer coisas apimentadas e a ver a vida de uma forma diferente. A saudade é imensurável dos momentos que passei lá e das pessoas que convivi.

Viajei pelo Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, São Paulo, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais. E o nosso Brasil é tão lindo e diversificado que não deixa nada a desejar para os destinos no exterior.

Fui de mochilão para Argentina, Chile e Uruguai, afinal, como turismólogo recém-formado, eu tinha que descobrir o mundo, eu tinha que descobrir à mim.

Esse ano passei dois meses na Europa, entre Suíça, Irlanda, Irlanda do Norte, França e Espanha e quando embarquei rumo à Londres no dia 1º de fevereiro, minha intenção era de não voltar. Mas a vida nos prega peças. E voltei.

Minha mãe sempre diz: “Criei meus filhos para o mundo, não para mim, por isso, vá. Mas se precisar voltar, sua casa estará aqui”. E eu sigo isso. E vou. E volto. E vou. Não tenho medo de arriscar.

Apesar de tudo o que vivi e não vivi e que tenho vontade de viver, eu sabia que um lado só estaria preenchido quando eu conseguisse voar. Não voar como passageiro, mas como tripulante. Eu queria voar para assegurar a segurança daqueles que estão dentro da aeronave, indo à uma reunião de trabalho, reencontrar a família, os amigos, ou como eu, atrás de algo novo, de um sonho.

Quero ser capaz de fornecer um sorriso a cada um desses passageiros através de um simples bom dia, que possa mudar o dia deles e que eles passem isso adiante, pois o mundo precisa mesmo de mais compaixão, compreensão e amor.

102_0207

Não vou dizer que foi fácil chegar aqui. A luta é diária. Mas não devemos nunca desistir. Às vezes bate aquela angústia, pensamos o quanto estudamos e em quanto a espera pode ser grande, mas pra quem está atrás de um objetivo e ama o que se quer, o que se faz, tudo isso se torna tão pequeno que mesmo que alguns dias sejam cinzas, a maior parte deles, será AZUL.

Por isso, hoje tenho orgulho de dizer que sou um Blue Angel. E que cheguei onde queria chegar. Porque fui forte, porque fui persistente, porque não desisti na primeira dificuldade. Porque continuei me capacitando e adquirindo experiência. Porque gosto de lidar com pessoas, de viajar. Porque sei que o mundo é meu e de quem mais quiser se arriscar a viver essa magia toda que ele pode nos proporcionar.

Obrigado a todos que de forma direta ou indireta, participaram dessa vitória! Sem vocês, eu não estaria onde estou.

E que todos tenham um dia AZUL.